Apanha e Compra de Pinhas

A atividade principal da empresa é a apanha e compra de pinhas mansas no período compreendido entre 1 Dezembro a 31 Março.

Existem três opções às quais devem ser devidamente ponderadas pelo produtor:

Colheita da pinha pelo produtor

A colheita fica por conta do vendedor/ proprietário das pinhas. O transporte pode ser efetuado pela nossa empresa sem custo adicional, caso seja fora da região de Sintra-Cascais será um preço a definir.

Colheita da pinha pelo comprador

A colheita e transporte é da responsabilidade da nossa empresa com equipas próprias, descontando ao preço de compra da pinha o preço da colheita. A colheita será sempre manual.

Venda de pinha na árvore

A pinha é vendida na árvore através de uma estimativa visual da produção, com base nessa avaliação é definido um preço Esta opção evita ou minimiza o problema dos roubos transferindo o risco para o comprador. Permitindo ainda uma receita antecipada da produção (caso a venda ocorra antes do período de colheita).

Comercialização da Pinha

A determinação rigorosa da quantidade de pinha que se vende é o primeiro passo do processo de comercialização, independentemente da responsabilidade da colheita. Neste sentido é essencial reforçar que a pesagem é a única forma que permite aferir a quantidade de pinha produzida e efetivamente comercializada. Outro aspeto importante é a diminuição do teor de humidade da pinha ao longo do tempo de colheita o que tem implicações diretas no seu peso.

Regras para uma correta comercialização das pinhas
Em síntese, apresentam-se um conjunto de regras para uma correta comercialização de pinha:

  1. Ensacar a pinha em sacas de 30kg/40kg/50kg;
  2. Definir um preço com o comprador;
  3. Pesar sempre a pinha antes de ser vendida;
  4. Assistir sempre à pesagem durante a comercialização;
  5. Caso a venda seja a granel ir com a carrinha/camião ao local de pesagem.

Buy now